sábado, 15 de novembro de 2008

Entre Madri e Natal - Sonhei

Olá queridos,
Sei que estive um tanto ausente das letras aqui postadas no meu blog por causa das muitas viagens, mas gostaria de dizer-lhes que nunca deixei de ler o que eu pude das palavras postadas por vocês. Aqui vai um pequeno carinho que escrevi hoje e que quero dividir com todos os viajantes da mesma linha de trem.
Beijos

As palavras seguintes são em relação à solidão da profissão e de nossas viagens que me obrigam a estar longe dos amigos e familiares, mas ao mesmo tempo perto e sendo ganerosa com a música e com quem a troca comigo. A dedicação a ela é intensa, mas o prazer que as pessoas me provam e me entregam compensa tudo.

Escrito em 15 de novembro de 2008, entre Madri – ESPANHA - e Natal - RN, BRASIL - nos contrastes e distâncias da estrada.


Sonhei
Sonhei que estava ausente
Ao meu molde inocente e barato romance
Sonhei deveras inconstante
Depois acordei
Eu nesta minha passagem
Não sossego a imagem de um beijo eterno
São tantas invasões e cobranças
Tantos marketings e pieganças
Tanto catolicismo e rudezas
Pensando comigo eu prezo ainda a figura e com ternura separo o casal cuidadoso e calmo
Que tanto essa imagem aparece
Que tanto obsessivo amanhece, anoitece
Que eu não quase posso ver-me
Sem estar colada a um outro
Não me basto, não me encontro a mim e a mim
É preciso estar o bastante consigo
E esta é uma guerra que combato
A da dependência do outro
É preciso conhecer-me
É preciso um aperto
Sentir-se
Se não houve um por alguém
Pais, tios, avós e por conseguinte amigos
Um nutrir de amores
Então, que se danem os deleites fortúnios não tidos
Eu ponho o meu pezinho no meu
Eu beijo com carinho meus braços
Cheiro os meus cabelos e me farto
Eu posso desviar-me dos traços de desconfortos e fracassos que poderiam domar-me
Eu quero e pego os doces que eu guardo, colhendo e percebendo o que a vida oferece
Eu guardo-me em significante estado
Puro, belo e macio
Lugar onde o filigrana é desenhado a enfeitar o meu ninho
Arquiteta o meu ninho
Onde passo o meu estimulo aos pássaros
Canto, falo os meus perfumes que vão
Respirados e leucócitos
Cheios de luzes, acalentação e muitos
Sem necessariamente ser todos
Sem necessariamente estar com todos
Mas estando
Definitivamente respirando juntos
Cão gato rato e fruto.

Vanessa da Mata

37 comentários:

Francine Abrahão P. Ribeiro. disse...

Vanessa,

Que força é essa que nunca seca, einh?
Tantas pessoas pensam que estar em constantes turnês, viagens,rodeada de fãs..é estar envolto de amizade, solidariedade, calor, companhia..Mas, esquecem que muitas vezes podemos estar rodeados de milhares de pessoas e nos sentirmos sós pois, aqueles que tanto precisamos, que tanto nos fazem falta estão longe, não é?

Que a possibilidade de escrever o que você sente e o que ninguém vê, possa fazer com que esse sentimento de solidão acabe por se amenizar.

Ah, e lembre-se que a vida não é feita só de trabalho.
Trabalho é bom e necessário, como o dinheiro mas, não é tudo.

Que essa sua força nunca seque e que esse sentimento de solidão consiga ser afastado sempre que necessário.

Sucesso, sempre.
Beijos
franabrahao@hotmail.com

Jacqueline Duque disse...

Oi Vanessa,
Sera´que você se lembra de mim?
Mas, o que importa é que você continua nos presenteando com a sua arte, sua composição,seu olhar... continue....Beijos!!!!!!

Lygia Maia disse...

Olá querida! Seu pequeno carinho nunca foi tão grande! Obrigada! Isso toca o coração da gente nos levando a amá-la ainda mais, respeitando-a como pessoa humana, sensível e maravilhosa. Lindo...lindo definir Paraty para seu DVD, boa sorte mesmo! Parabéns a toda moçada do "Album Sim" pelo Grammy Latino 2008. Beijos com admiração sempre, Lygia

elaine gallier disse...

Vanessa querida,que bom saber sobre o dvd.Então a data está certa...ufa!quero muito ir...vou fazer o possível e o impossível pra estar lá...amo vc..obrigada mais uma vez por suas músicas e seus textos maravilhosos...fique com Deus.

elaine gallier disse...

Haaa...Vanessa,poste aqui sobre o harário da gravação do dvd,moro no rio e preciso ver passagem na rodoviária e tal...bjos

Carine disse...

Oi, Vanessa!
Tudo bem?
Já estava com saudade das suas postagens; adoro chegar aqui e ler as coisas que você escreve. Adorei o poema, você é demais mesmo.
Fiquei um pouco triste ao saber que o DVD não seria mais gravado aqui na Bahia, mas fico feliz por saber que logo terei um belíssimo vídeo para ver todos os dias na minha casa; e sei que Paraty foi uma boa escolha, é um lugar muito bonito. Mas volte logo a Salvador, estamos com saudade. rs
Beijão!!!

Bruno Cetrangolo disse...

Diva, vc é uma diva...

Não parei de chorar em seu espetáculo na Fundição Progresso...

Vc é linda, nossa Iemanjá!!!

Te amo Vanessa!!!

Vc faz a trilha sonora da minha vida, sem saber quem sou eu!!!

Te amo!

Saúde e vida londa a ti, Rainha!!!

Ciele disse...

Adorei o poema,muito bom,em algumas partes tem a ver comigo,adoro poemas!Sempre que estou sozinha, ouço suas músicas isto me faz bem.Vc como sempre maravilhosa,grande beijo.
Ciele

Natália disse...

Gosto muito da tua voz, de você por completa...Linkei você no meu blog... beijos e sorte. :)

Francine Abrahão P. RIbeiro disse...

Ah, claro..quando vier para Curitiba e não quiser se sentir sozinha, me chame que eu faço companhia para você.
=)

NANA disse...

O que falar????de um poema tão denunciante.
Vanessa Acho que suas palavras, completam os nosso pensamentos a cada linha...você nos diz aquilo que queriámos dizer um dia.
Lindo e verdadeiro poema.
Bjsssss

juliskaab disse...

Olá Vanessa,
Estive no seu show em Natal ontem (sab,15). Foi a primeira vez que eu e meu marido lhe vimos no palco - e estavamos bem perto mesmo - e adoramos. Ouvimos tanto suas musicas que nossa filha de 3 anos, Julia, sabe a letra da maioria delas do começo ao fim. Você consegue imaginar uma pequena menina de três anos que antes de dormir canta "Vermelho", todas as noites, esperando o sono chegar?
Ela existe. E já é sua fã. Quando entra no carro, já pede logo: "mamae, quero ouvir Vanessa". Espero poder leva-la no proximo show. Que Deus lhe ilumine para que vc continue por muitos anos a nos presentear com sua música bela e verdadeira! um abraço
Juliska Azevedo (juliska@terra.com.br)
Natal - RN

Lygia Maia disse...

Eu de novo morena! Nunca cobrei seu DVD pra não sufocá-la, pois acredito nas coisas no seu tempo. Agora...diga-se de passagem...
- QUE SORTE A NOSSA, HEM!
Belo Horizonte está de braços abertos, assim, deste tamanho, torcendo de montão por você, aguardando um retorno e com a inclusão de "Acode" no repertório. Venha, a casa é sua e os nossos corações também. Até breve se Deus quiser, e que Ele lhe abençõe hoje mais que ontem, bye! Lygia

hanzo disse...

um anjo, simplismente,... que talento que voz doce, meiga, qnd estou agitado, chateado, ate mesmo nervoso... so escutar vc com essa doce voz e tudu passa, vc tem o dom parabéns...

humildimente, leonardo fma.

Carine disse...

Ah, parabéns pelo Grammy!!
Você merece MUITO.
Parabéns a toda a equipe também.
Beijos!!!

luander disse...

minha amada sem comentarios voçê e demais e estraordinaria... beijos

Thaís Teixeira disse...

Quantas saudades de voce...
Fiquei muito triste de não poder ter ido no show na Fundição.
Tive que trabalhar...
MAS NO DVD ESTAREI LÁ!
COMO FIQUEI FELIZ DE SER AQUI NO RIO!
MEU DEUS!
BELISSIMO PRESENTE DE NATAL!
AMO VOCE!

Matheeus' disse...

Olá Vanessa, fico feliz em ler mais uma postagem sua, sempre venho aqui, infelismente nem sempre há uma nova postagem por conta da sua agenda como você explica nessa última, mais saiba que adoro sua música, suas palavras, seu jeito de ser, tão meigo, simples e com palavras tão bonitas, queria que você se poder, cite meu nome ou algo referente a mim, em uma postagem sua, só para me alegrar ainda más, me chamo Matheus Rocha, e sou um grande admirador seu, QUE DEUS TE ILUMINE SEMPRE, beijos

Caco Seza disse...

Linda Vanessa,

Você sempre trazendo o melhor de si...Sabe exprimir as cores da alma, em suas palavras tão doces e sinceras como a sua voz...Faz a arte, verdadeiramente.

Que os Céu a abençoe sempre, cobrindo-a de bençãos e oportunidades cada vez maiores de encantar, transformar e tocar vidas.Sempre me toca e a sua música já faz parte de mim.

Grande abraço de um fã de Aracaju,


Cesar Maciel Filho
(cesar-maciel-filho@hotmail.com)

Francine Abrahão P. Ribeiro disse...

Quando voltar para Curitiba e quiser companhia, me chama que eu te acompanho!=)

Beijos e obrigada pelo seu lindo poema.

franabrahao@hotmail.com

Ana paula disse...

UfA!,um Dvd fiquei muito feliz com a tão esperada noticia... adoro suas canções .... bjos e Deus te abenções linda ....

Hannah Mayria disse...

Simplesmente lindo o poema Vanessa...
Sem palavras!!!

Gostaria de aproveitar o espaço e parabenizá-la pelo lindo show realizado em Natal. Eu estava lá e fiquei emocionada todo o show !
Vc estava linda e simpática como sempre :)

Parabéns pela sua arte, pela belíssima forma que tens de se expressar por meio dela..

Vc tem um dom belíssimo, que tenho certeza que toca não só a mim, mas a todos que têm a oportunidade de conhecer o seu trabalho.

Venha mais vezes ao RN nos presentear com o seu talento!

Mil beijos, muito sucesso sempre, em tudo!

Hannah Mayria

Gênesis Ferreira disse...

Vanessa que lindo oq eu vc escreveu,nossa como queria poder te encontrar, é um sonho particular, porque vc já faz parte de minha história de vida. Um poema assim, é extremamente cabível a vida de todos nós que amamos e dentro de prováveis platonismos, vivemos ou não na imensidão de nossos pensamentos. Obrigado por vc existir, pro vxc ser Vanessa da Mata. Por favor,ao vir a recife, deixa eu te conhecer, gostarai de poder postar meu endereçõ de e-mail, mass preciso saber como fazer para entrar em cotnato com vc. Te amo mulher, venha mais vezes a Recife.

Franklin disse...

Olá Vanessa,

É a primeira vez que escrevo em um blog. Escuto as suas musicas a mais ou menos dois meses, e é simplesmente perfeito. Sua voz, as letras a melodia... é tudo perfeito. Ouvir vc cantar churros é magnífico d+. Serei frequentador do seu site e blog. Vida longa pra vc.

Geovane Reis disse...

bom saber que tambem como tuas nusicas nos ilumina, as nossas palavras fazem o mesmo a ti ,e essa letra me causou uma especie de nirvana, um extase , uma epifania musical tão inexplicavel que só vc consegue, beijos sorte e muita luz


aguardando anciosa sua vinda em são luis do maranhão

Nutrir-se disse...

Olá, Vanessa ser humano! Fico muito feliz com a chegada do seu DVD,pena não ser possível lá estar para sentir mais uma vez a sensação de paz, q vc, sua voz e suas músicas passam.
Só uma vez vi seu show mas,foi o bastante para tornar-me sua admiradora! Sucesso, feicidade, inspiração,amor, saúde e paz sempre! Te adorOOO

Emmanuelly disse...

Vanessaaaa que Show foi aquele de ontem aqui em boa vista...estou emocionada até agora, caraca nunca fui a um show tão especial...foi um momento mágico, quando eu conversei com vc no momento das entrevistas, vc me passou uma paz interior muito grande! Sucesso queria sempre, não é atoa que você chegou onde chegou, vc merece, obrigada!Vc eh um presente de deus nos nossos caminhos...valeu...obrigada pela foto!

manuca_fly@hotmail.com

Márcia Tranzillo disse...

Querida Vanessa da Mata
Poucos são aqueles que, ao subirem as rampas do sucesso, preocupam-se em compartilhar sentimentos com aqueles que celebram e confirmam a todo tempo este sucesso.
O reconhecimento, a fama, o sucesso e o conseqüente e exaustivo labor nos impõem sacrifícios e dores tb.
Nós, admiradores, temos o dom de mitificar, idolatrar e pensar em grandes artistas, e sobretudo, naqueles que mais admiramos, como seres 'sobrehumanos'. Parece que não existem dificuldades, tristezas e que o mundo está sempre à disposição de deles e nada lhes falta.
Não é bem assim, não é mesmo!? Artista chora, tem amores, tem dores, sente saudade, solidão, sente tristeza e alegria como qq ser mais anômino.
Contudo lindíssima flor do serrado brasileiro, qdo todos aqueles sentimentos dos seus versos insistirem em reclamar, faça como vc faz lindamente: transforme em canto, em poesia, suba ao palco, rode a saía, sacuda a poeira com todo seu alto astral. Nós estaremos lá para aplaudi-la, ovacioná-la e fazê-la sentir que toda dor tem seu sedativo. Ainda que só possamos fazê-lo indiretamente, mas com muita emoção, carinho e respeito ao seu trabalho. Afinal, vc é uma mulher para cima. Seu show tem um altíssimo astral e nos faz sair dele com uma sensação de felicidade eterna. Sendo assim, queremos que vc deixe cada palco sentido-se como nós nos sentimos a cada show seu.
Parabéns pelo merecido Grammy. Lindíssima foi sua homenagem a Cartola! E muito sucesso em Paraty. Estamos aguardando o cd.
Beijos
Márcia Tranzillo
Salvador-BA

MioModus disse...

Votre album "sim" est tout simplement superbe.
MioModus.

Dener Serafim Mattar disse...

Oi, Vanessa, querida, linda!!!
Como sempre, seus versos são maravilhosos. Parabéns mais uma vez.
Saiba que sua música me alimenta a alma. Não me canso de ouvir seus três CDs.
Já passei por aqui e devo repetir que assisti ao show "SIM" no Rio, ano passado. Saímos eu e minha esposa do interior de Minas só pra isso. E curtimos muito.
Soube agora, e fiquei feliz por isso, que o DVD, enfim, sairá.
Acabei de deixar um e.mail pra produção, cuja cópia segue abaixo.

"Prezados amigos,
Soube da gravação do DVD da Vanessa em Parati-RJ e fiquei feliz com a notícia. Não sei se seria o show "SIM".
De qualquer forma, como fã e admirador do trabalho de Vanessa da Mata, venho sugerir que, caso seja o mesmo show, o DVD o registre integralmente.
Tive o privilégio de assistir ao show no Rio, no ano passado, e creio que nenhum momento deva ficar de fora. O melhor mesmo é haver mais músicas ainda, como por exemplo, a linda "LONGE DEMAIS" do primeiro CD.
Boa sorte, desde já a todos.
Dener Serafim Mattar - Passos-MG
dsmattar@uol.com.br"

Super beijo pra você, boa sorte na gravação.
De seu eterno fã e admirador.
Dener Serafim Mattar - Passos-MG

Adriano Maciel disse...

OI MINHA FLOR !!!

Q felicidade em saber do teu premio... parabens!!

Q outra otima noticia recebi em meu aniversario(23/11), finalmente o tao desejado dvd, q bacana.
ano passado nesta mesma data estava sentadinho no Palácio das Artes te admirando cantar... comemorando meu aniversario com vc. tudo de bom .

Muita vontade mesmo de participar deste show p o dvd, o local é lindo mas, pena ser tao distante. seria d+ dividir mais uma emoçao com vc.

Flor, siga teu caminho com muita luz, saude e sucesso !!!

espero o mais breve possivel reve-la aqui em BH ou por aí, neste mundão... espero q o mais breve possivel esteja com a turne do seu dvd.

bjux mil.

Adriano Maciel Canabrava

amacielc@hotmail.com

Reinaldo disse...

Vanessa,

Primeiramente queria pedir desculpas, não por mim, mas pelo que aconteceu antes de seu show em Boa Vista - RR, segundo, parabéns, pelo show, por sua voz, seu jeito, sua carisma, sua pessoa, enfim, que show! Me senti maravilhado com tamanha a sua potência dentre a música brasileira.

Meus inúmeros parabéns.
Seu fã.

Reinaldo Holanda
Boa Vista - Roraima

Photoshop By Barney disse...

Virei pupilo,fã e admirador,lindaaaa e logo vc que encanta descalça,e segurou em tantas maos e lá estava a minha tambem anonima e aflita,muitos flashs e gritos e eu olhando para o alto e te vendo tao perto e tao distante,mais a grade e o palco me impedia de chegar perto,mais a sua voz te fez tao presente que todas as barreiras sumiam e voce foi perfeita,sentir a sua emoçao a cada musica declamada foi forte,voce é uma artista de verdade,humana e fiel a musica,escutar voce cantando vermelho e segurando o microfone com as unhas vermelhas,foi magica pura.vida longa,saude e energia para voce,espero te ver logo.
Hebert Duarte.

Natália disse...

Olá minha querida Vanessa,puxa saudades de ti,me apertam o peito...
Essas tuas palavras,ditas nesse poema me emocionaram
Vc talvez não saiba a emoção q traz ao meu coração e ainda mais o orgulho de poder ser tua fã
As tuas desculpas são muito bem aceitas pois elas são verdadeiras e sinceras,nós te amamos não tenha dúvida!todas essas viagens,todos os contratempos foram para reforçar a tua glória,apesar da distância vc mora em nosso coração para sempre...
Fico feliz pelo Grammy,eu já sabia(rsrsrs)não havia outro artista melhor q ti para recebê-lo...
Sinto essa paz q vc traz para todos nós quando me vejo perdida e escuto os teus cds,são belos d+!
Daí vc está longe, e sinto falta dos teus shows,e eu me lembro de uma letra linda q diz assim:
"Se há dores tudo fica mais fácil,
seu rosto silência e faz parar."
Pq quando vou a um show seu e te vejo lá cantando é isso q acontece
TE ADORO,BEIJOS!!!

Fullo disse...

"Amigo é coisa pra se guardar....."
O tempo passa e na poeira do seu rastro muitas coisas se perdem, as verdadeiras, não! A solidão do próprio tempo me parece maior. Ele é rápido demais para compartilhar. Seu agora não dura o tempo de um segundo e assim, ao contrário de você, ele não consegue deixar raízes, amigos ou amores, ele não tem casa, cachorro e o seu canto é doído como um uivo e não a brisa macia da sua voz.
Às vezes na volta, as coisas parecem que não se importaram com essa ausência, mas se elas continuam nos seus devidos lugares, elas podem estar te esperando. Isto também é saudade, isto também é amor!
e esta "carta" não é uma comparação ou uma pretensão é apenas um apontamento, uma postagem.
Grande beijo
Janaina (Fullô)

de Natal disse...

Vanessa, é demais constatar o quanto você faz bem a tanta gente(!)
Ler estes comentários é muito interessante. Quem conhece o seu trabalho e já assistiu aos seus shows sente e sabe exatamente o que é cada palavra dessas ditas pra você. Cada agradecimento, cada incentivo, cada declaração, cada desejo. Você é mesmo uma bênção pro mundo. Que você continue sendo e sabendo ser. Com toda a minha admiração e respeito pelo ser humano que você é.

Giu Missel disse...

Vanessa, parabéns pelo teu trabalho.
Há mta poesia na sua música, na sua voz.
E isso me fascina.